domingo, 27 de novembro de 2011

Acerca da verdadeira amizade

Existe nos dias de hoje alguma confusão acerca do significado de amizade. Muitas vezes, mistura-se o conceito com simples conhecimentos e familiaridades. Por uma qualquer circunstância encontramos alguém com quem precisamos manter um contacto mais ou menos prolongado, existe algum interesse recíproco entre ambos, talvez mesmo alguma cumplicidade e acabamos por confundir esse relacionamento com amizade.

Para ajudar a esclarecer o que se entende por amizade, podemos começar por identificar situações em que esta estará necessariamente ausente.

  • Não existe sinceridade, honestidade e/ou lealdade no relacionamento;
  • Sentimos, mesmo sem saber explicar as razões, que não devemos revelar facetas da nossa própria essência;
  • Somos impelidos a fingir ser quem não somos porque as nossas diferenças não são aceites; 
  • Somos solicitados a moldar-nos a um padrão supostamente normalizado;
  • Temos receio de ser mal interpretados e damos por nós a apresentar demasiadas explicações;
  • Existem desconfianças entre as partes;
  • Existe algum tipo de bajulação;
  • Somos procurados unicamente nos momentos em que precisam de nós e evitam-nos nos momentos que lhes são favoráveis;
  • Existe uma reação de indiferença quando atravessamos por maus momentos;
  • Somos confrontados com exigências intermináveis;
  • Somos procurados por aquilo que temos e não por aquilo que somos.

Curiosamente, Arthur Schnitzler escreveu um dia que “o ódio liga mais os indivíduos do que a amizade”. Pretendia ele dizer com essa afirmação que é mais fácil ser estabelecido um laço entre duas pessoas através do ódio, inveja e desejo de vingança do que através do amor e da amizade. E, de facto, sabemos que é bastante difícil nos dias de hoje encontrar e conseguir manter uma verdadeira amizade.

Para a amizade, é fundamental a reciprocidade de sentimentos mas não é necessário gostar-se das mesmas coisas. Eu posso não me interessar pelos mesmos temas dos meus amigos, contudo apreciar desfrutar momentos com eles, unicamente pela sua companhia e amizade.

Amigo é aquela pessoa que está do nosso lado, nos bons e maus momentos; a quem se pode pedir ajuda em qualquer situação e hora do dia. Amizade é construída com amor incondicional, sinceridade, confiança, lealdade e altruísmo. Podemos, sem margem para receios, confiar os nossos segredos aos nossos amigos e os seus conselhos ajudam-nos a tomar as melhores decisões. Somos encorajados e motivados pelas suas palavras. Somos aceites da forma que somos e apreciados pela nossa unicidade. Aristóteles foi talvez quem disse melhor através da seguinte frase: “O que é um amigo? Uma única alma habitando dois corpos”.

Por outro lado, não basta querer ter amigos para os ter. A amizade é uma questão do coração e não do cérebro. Ou existe ou não existe. Nesse contexto, não pode haver fórmulas para criar um amigo. Contudo, podemos sempre ter em conta algumas considerações para fomentar um bom relacionamento e, quem sabe, uma futura amizade:

  • Procurar relacionar-nos com pessoas que despertem em nós a vontade de sermos a melhor versão de nós próprios. Da mesma forma, evitar aqueles que se lamentam por tudo e por nada; os que somente criticam e não apresentam soluções; os que somam más ações. 
  • Rodear-nos daqueles que possuem qualidades que pretendemos desenvolver em nós próprios. 
  • Procurar a companhia de pessoas cuja presença nos coloca um brilho nos olhos e de bem com a vida. Valorizar aqueles que possuem atributos como o bom humor, espírito positivo e que caminhem na mesma direção.
Para finalizar, constata-se que, por vezes, se perde um verdadeiro amigo por questões insignificantes. Se isso aconteceu algum dia na sua vida, saiba que nunca é tarde de mais para colocar o orgulho de lado e tentar uma reconciliação. Afinal de contas, sendo a amizade uma das mais valiosas relações interpessoais que podemos ter na vida, quando a encontramos temos o dever de a preservar.


**Sinta-se à vontade para partilhar este artigo no seu blog, site ou newsletter. Se o fizer, por favor inclua o nome do autor e um link a este site**
Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-Não a obras Derivadas 2.5 Portugal.

Sem comentários:

Enviar um comentário