domingo, 29 de maio de 2011

O seu padrão de pensamento é positivo?

Várias pessoas me confessaram a dificuldade sentida em mudar de um padrão de pensamento negativo para um padrão positivo, conducente à realização de objectivos. Compreendem a necessidade de estruturar o pensamento mas depois, no calor das experiências quotidianas, são arrastadas pela engrenagem da mente.


A verdade é que não é de todo uma tarefa fácil. O padrão de pensamentos dominante está ligado aos mais diversos factores como crenças transmitidas ao longo da vida por modelos sociológicos, culturais e pelo próprio estilo de vida adoptado. É comum que dentro de uma sociedade, de uma família ou mesmo dentro de uma empresa os seus elementos possuam padrões de pensamento semelhantes, apesar das suas personalidades distintas. Quer queiramos quer não, estamos constantemente a influenciar-nos uns aos outros, se bem que muitas vezes nem nos apercebamos disso.

Se pensa frequentemente no pior que pode acontecer em cada situação, as piores coisas acontecerão. Se acredita que nunca conseguirá alcançar aquilo que mais deseja, isso que mais deseja simplesmente não acontecerá. Se reclama por tudo e por nada, é certo que mais motivos para reclamações surgirão na sua vida. Se constantemente coloca os outros para baixo, encontrará inevitavelmente pessoas que o coloquem também para baixo. Se deseja mal aos seus semelhantes, estará a atrair o mal para si próprio. Se tenta enganar os outros através do fingimento, dissimulando simpatia simplesmente para manipular o próximo, a tendência será ver-se rodeado de pessoas iguais a si. Ao mesmo tempo, as pessoas com um padrão de pensamento assertivo não se irão sentir bem perto de si e a tendência será que evitem a sua companhia. Obviamente, você também não apreciará a companhia dessas pessoas. E, perpetuando essa forma de pensar, será difícil que alcance os seus objectivos e que crie as mudanças que deseja – a não ser que os seus objectivos sejam igualmente negativos. Mesmo que aparentemente alcance o sucesso, nunca obterá a plena realização e paz de espírito.

Como não será difícil de constatar, nada há a ganhar em manter um padrão de pensamento negativo. E como é que se faz para se mudar? Poderá considerar o seguinte:

  • Tente determinar se tem uma visão positiva ou negativa da existência. Está satisfeito em todas as áreas da sua vida? Em caso negativo, existirá alguma mudança que possa levar a cabo para que o seu grau de satisfação aumente? 
  • Tome consciência das mudanças que gostaria de efectuar e verifique se estas causariam um impacto positivo na sua vida. Se sim, pergunte-se: “Por que razão ainda não implementei essas mudanças?” Pode ser que a resposta o surpreenda. Pode ser que se descubra a tentar encontrar desculpas incongruentes.
  • De cada vez que reparar num diálogo interno impelindo-o à desistência de um desafio ou de um novo hábito mais saudável, pare esse diálogo e reflicta acerca da sua utilidade. Pense nas implicações de continuar da mesma forma e nas vantagens adquiridas com a mudança que pretende.
  • Sempre que verifique que os resultados obtidos não são satisfatórios, considere a necessidade de uma nova percepção e abordagem. Não se trata de desistir das ideias, simplesmente de as ajustar.
  • Tome consciência de pensamentos e crenças que vem mantendo e pergunte-se de que forma estes têm razão de existir. 
  • Compreenda que a maior parte das vezes existem várias alternativas para resolver uma questão. Abra horizontes e explore oportunidades. Acima de tudo, procure por soluções em vez de procurar por problemas. 
  • Em vez de se queixar insistentemente, faça por melhorar tudo o que é objecto da sua desaprovação. Se não lhe for possível agir de forma nenhuma, por não estar na sua esfera de intervenção, direccione as suas energias para outras acções positivas que possam melhorar a sua vida e também a dos outros.
  • Em vez de se exaltar com os outros e os culpabilizar pelas más coisas que lhe acontecem, tente ser mais compreensivo e ver as coisas de um outro ângulo. Dê às coisas o valor que elas têm.

À medida que vai mudando a sua forma de pensar, começará a atrair pessoas e situações positivas para a sua vida. Estudos demonstram que aqueles que são mais optimistas, mais compassivos e tolerantes, são aqueles que mais se aproximam de uma vida realizada e próspera.

**Sinta-se à vontade para partilhar este artigo no seu blog, site ou newsletter. Se o fizer, por favor inclua o nome do autor e um link a este site**


Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-Não a obras Derivadas 2.5 Portugal.

2 comentários:

  1. Meu pensamento é sempre positivo, se ocorre de ser o contrário, no mesmo momento eu o reverto em oração, novo pensamento ou em até palavras positivas. Temos que nos viagiar! sempre!

    ResponderEliminar
  2. Muito bem, Mila,continue dessa forma. Nem sempre é fácil tomar consciência e ter controle sobre os nossos pensamentos, pelo que está de parabéns por o conseguir fazer.
    Um abraço

    ResponderEliminar