sexta-feira, 16 de abril de 2010

O que deseja fazer com a sua vida?


As pesquisas são unânimes em demonstrar que as pessoas que sabem bem o que querem e estabelecem objectivos para o conseguir são consideravelmente mais bem sucedidas do que aquelas que não o fazem. Isso tem toda a lógica pois para podermos alcançar alguma coisa na vida temos em primeiro lugar de saber o que queremos. Caso contrário, não será possível estabelecer metas e teremos de nos limitar a andar à deriva, ao sabor do vento, ou seja de circunstâncias externas.

A partir do momento em que saiba em concreto aquilo que deseja alcançar, é necessário que perca algum tempo a estabelecer um ou dois objectivos que o incentivem a tomar acções em contextos ainda não explorados por si. Não vale a pena estabelecer metas cujos resultados efectivos mantenham tudo da mesma forma e não o estimulem a utilizar todo o seu potencial. Lembre-se que para obter um resultado diferente terá de tomar acções diferentes.

Caso presentemente não tenha nenhuma pista quanto ao que deseja fazer com a sua vida, acredite que a nível inconsciente já sabe tudo o que precisa de saber para ser bem sucedido. No seu interior, residem as respostas para todas as perguntas. É só questão de querer e saber colocar as questões correctas. Nesse contexto, sugiro que se sente calmamente, relaxe, feche os olhos e se coloque a seguinte pergunta:
  • Como seria o meu dia ideal se não tivesse limitações de espécie alguma?


Pondere, demorando todo o tempo que for necessário e de seguida coloque por escrito a sua resposta. Pense como seria se não tivesse limitações pessoais, financeiras, geográficas ou relacionais. Imagine-se simplesmente a viver o seu dia ideal, desde que se levanta até que se deita.

  • No que pensaria ao acordar?
  • Como seria o ambiente ao seu redor? Como seria a sua casa, em que local se situaria em concreto?
  • Qual seria o seu trabalho? Trabalharia por conta de outrem ou seria o patrão de si próprio? Nesse caso, como seriam os seus clientes? Que tipo de actividade teria?
  • Teria filhos? Se sim, o que lhes falaria? E o que lhe diriam eles?
  • Como se sentiria em relação a relacionamentos amorosos? Quem o acompanharia no seu dia-a-dia? Do que falariam? Que interesses em comum teriam?
  • Como seria a sua saúde? Faria exercício físico com regularidade? Faria alguma dieta específica?
  • No que pensaria antes de se deitar?

Não tente dar respostas perfeitas. Deixe apenas que os seus pensamentos fluam e vá escrevendo tudo o que lhe ocorrer. Se desta forma conseguir visualizar o seu dia perfeito, estará no caminho certo para saber o que realmente deseja da sua vida. A partir desse momento, será possível começar a traçar objectivos e a elaborar um plano para alcançar esses objectivos, sejam eles quais forem.

Sem comentários:

Enviar um comentário