quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Terapia rápida, utilizando a PNL




Muitas pessoas sentem-se perturbadas ou desapontadas com experiências quotidianas registadas como negativas. A partir desse instante, a simples memorização da experiência provoca-lhes desconforto ou sentimentos negativos. Pode ter sido a atitude ou as palavras mais rudes proferidas por um amigo ou familiar mais directo, pode até ter sido a "gafe" deselegante que se cometeu em público e que colocou em causa a própria reputação, pode ter sido a repreensão injustificada do chefe ou até mesmo a visão de uma aranha ou outro insecto que tenha provocado sensações de medo ou pânico.

Não importa muito o que aconteceu, o facto é que a simples recordação do sucedido o faz sentir-se zangado, arreliado, amedrontado ou com qualquer outro sentimento negativo. Richard Bandler, no seu livro “Usando a sua Mente”, propõe uma técnica de PNL que intitula de "terapia super-rápida" e que consta do seguinte:

Pense na cena que o tenha perturbado ou desapontado e olhe atentamente as suas recordações, como se fosse um filme, para verificar se ainda o fazem sentir mal. Em caso positivo, pense nas imagens desde o início da experiência e, assim que começar, coloque um agradável fundo musical de circo. Simplesmente fique a ouvir a música até ao final da cena.Ao voltar a despoletar as suas recordações, poderá verificar que se sentirá melhor. A tragédia foi instantaneamente transformada em comédia. Já sabe, se tem uma lembrança que o faz sentir-se aborrecido e irritado, coloque um fundo musical de circo. Desta forma, quando traz à consciência a recordação, esta virá acompanhada da música e a sensação não será mais a mesma. No final, poderá mesmo dar por si a rir-se às gargalhadas de uma experiência que antes era negativa.

Se o fundo musical de circo não fizer qualquer efeito consigo nessa experiência em concreto, tente um outro género de música ou som que possa ter impacto sobre a lembrança. Experimente, por exemplo, música de ópera, ou a música dos Muppets ou o genérico de algum programa ou série de humor que o faça rir ou que o tenha feito rir no passado. Repita todo o processo como foi referido anteriormente.

Ainda segundo Richard Bandler, existe um outro processo que poderá também utilizar para atingir os mesmos resultados ou para os reforçar e que é o seguinte. Escolha outra lembrança desagradável que o incomode e passe-a, como se fosse um filme, da mesma forma que fez anteriormente. Verifique se a lembrança ainda o incomoda. Em caso positivo, passe de novo as imagens como um filme mas desta vez de trás para a frente, muito rapidamente, como se estivesse a rebobiná-las, em apenas alguns segundos. Volte outra vez ao início da cena e repita a sequência, desta vez da forma normal. Vai verificar que o significado muda completamente.

4 comentários:

  1. Parabéns!!
    Tenho usado muito essa técnica com resultados maravilhosos.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  2. Sónia, muito obrigada pelo seu comentário. É reconfortante saber que o que escrevo oferece resultados positivos a quem visita o Blog. Trata-se de uma técnica de Richard Bandler que de facto funciona muito bem.
    Espero que continue a visitar este espaço.
    Um abraço amigo!

    ResponderEliminar
  3. Olá,

    Vou tentar sim! EStou passando por uma situação complacada no momento!
    obrigada!

    ResponderEliminar
  4. Olá, Mila,
    Faço votos que a situação complicada se resolva e que os meus artigos lhe possam ser úteis.
    Com amizade

    ResponderEliminar