sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Princípios para uma Transformação Interior



Se está realmente determinado a colocar em andamento um processo de transformação interior, é necessário que adquira conhecimentos e as ferramentas adequadas. Gostaria de partilhar consigo alguns princípios de alinhamento para ser bem sucedido nessa maravilhosa exploração que vai agora iniciar.
  1. Encontre a sua paixão
    Isto significa entrar em contacto com as suas aspirações mais profundas. A maioria das vezes, esta não é uma tarefa fácil pois implica entrar em contacto com informações que se encontram abafadas no nosso inconsciente.
    Ao longo do tempo fomos construindo máscaras sucessivas, a maioria das quais impostas pelo contexto social em que estamos inseridos e acabámos por nos esquecer daquilo que de facto é mais importante para a nossa realização como seres humanos.
    Agora, é-lhe imposto que entre em contacto com essas aspirações. A forma mais simples de o fazer é através da meditação. Se não está habituado a meditar, reserve todos os dias pelo menos 20 minutos para a sua prática. Se tiver dificuldades em estar simplesmente sentado e em silêncio, poderá começar por reservar esse tempo para uma caminhada ou para uma actividade mecânica que requeira estar sozinho. A voz interior faz-se ouvir nessas alturas e precisa entrar em conexão com essa voz.
  2. Crie um lembrete que o relembre diariamente dos seus sonhos e aspirações
    Lembre-se do provérbio, “Longe da vista, longe do coração”. Neste caso em concreto, poderíamos reformular para “longe da vista, longe do pensamento”.
    A melhor forma de evitar o esquecimento é colocar por perto avisos que o orientem para a realização dos seus ideais. Como sabe, a mente é o seu mais poderoso aliado em todo o processo criativo, pelo que poderá tomar diversas acções para se manter focalizado nos seus objectivos.
    Pode fixar um pequeno quadro no seu escritório, onde vai colocando lembretes que o recordam e orientam para as suas metas; pode criar um filme digital ou mesmo fazer uma gravação de si próprio falando das suas aspirações. Estas estratégias ajudarão a que se mantenha constantemente focalizado nos seus sonhos e objectivos.
  3. Comprometa-se a fazer “tudo o que for necessário” para activar os seus sonhos
    Obviamente que tudo o que faça terá de estar alinhado com a sua integridade e os seus valores morais. As questões de ética são primordiais e devem ser sempre respeitadas.
  4. Procure um mentor ou alguém que já esteja a viver os seus próprios sonhos (ou pelo menos parte deles)
    Não se trata apenas de obter mais informação, embora o processo passe por isso mesmo, mas interessa que mergulhe numa vibração de prosperidade e possibilidades. E neste contexto, um mentor funciona literalmente por osmose.
  5. Rodeie-se de pessoas que tenham boas vibrações, atitudes positivas e que acreditem em si e nos seus sonhos
    Se neste momento não conhece ninguém que reuna essas condições, leia autores que gosta e com quem se identifica. Esteja receptivo à chegada de novos amigos e relacionamentos, pois estes vão surgir à medida que for mudando o seu padrão de pensamento. Se não for de uma forma física, eles chegarão através de livros, filmes ou mesmo de uma forma virtual.
  6. Elabore um plano, a curto, médio e longo prazo
    E assim que termine, disponha-se de imediato a agir. Sem acção em concreto nunca sairá do mesmo lugar. De nada serve elaborar planos se depois não os puser em prática. O acto de tomar as acções adequadas é essencial.
  7. Focalize-se naquilo que pretende em concreto e não se fixe obsessivamente na forma como lá chegará
    Na altura devida haverá sempre ajudas inesperadas e formas anteriormente desconhecidas que o conduzirão ao que mais deseja.
  8. Disponha-se a esperar o tempo que for necessário
    Não caia na ilusão de pensar que o caminho se faz a 100 quilómetros à hora e num curto espaço de tempo. A vida é uma corrida de fundo e mais vale dar passadas firmes, consistentes e contínuas do que corridas desenfreadas que conduzem a desistências e fracassos.
  9. Esteja atento a sincronicidades e coincidências
    É interessante reparar que a partir de uma determinada altura, todas as coisas começam a conspirar a seu favor. Nunca ouviu dizer, “Deus ajuda aqueles que se ajudam a si próprios”?
  10. Divirta-se
    É indispensável que retire o máximo prazer e divertimento de tudo aquilo que faz. Dessa forma, a vida ganha outro sabor.

Sem comentários:

Enviar um comentário